ILSC Canadá: saiba mais sobre a escola

7 minutos para ler
Powered by Rock Convert

A fim de vivenciar uma experiência no exterior, uma das melhores opções é ir para um intercâmbio. Assim, é possível entender como funciona a rotina dos nativos em um país diferente, conhecer uma nova cultura e trocar ideias com pessoas que você, provavelmente, não conheceria se não tivesse ido viajar. Nesse sentido, o primeiro passo para planejar o intercâmbio ideal é pensar na escolha do curso. Para isso, vale a pena conhecer a ILSC Canadá.

Inaugurada em 1991, na cidade de Vancouver, a ILSC Language Schools possibilita que estudantes das mais variadas origens possam ter cursos e treinamentos de idiomas. Atualmente, ela se expandiu e tem filiais em outras cidades do Canadá, como Toronto e Montreal. Além disso, existem unidades da ILSC na Índia, em Nova Déli e na Austrália.

Ficou interessado no assunto? Então, continue lendo o nosso artigo e descubra mais sobre essa escola!

Conheça duas ótimas cidades para o seu intercâmbio no Canadá

O Canadá segue liderando o ranking de destinos preferidos pelos brasileiros para estudar fora. Afinal, o país oferece diversas vantagens, mas a qualidade de vida é, sem sombra de dúvidas, o quesito que mais atrai os intercambistas.

Em relação à ILSC Canadá, o intercambista pode escolher entre Vancouver, Toronto e Montreal. Para quem deseja estudar inglês, as opções ideais são Vancouver e Toronto. Com o objetivo de escolher um desses locais, é importante saber as diferenças entre eles.

Vancouver

Unindo modernidade e multiculturalidade, Vancouver é a cidade que abraça intercambistas dos mais diferentes lugares. Com isso, é difícil não se sentir acolhido no local. Assim como existe uma diversidade de pessoas, há também uma variedade de comidas: japonesa, chinesa, grega, indiana e por aí vai. No entanto, as refeições costumam ser caras.

Em geral, o transporte público funciona muito bem, mas ainda é comum andar de bicicleta ou caminhar pela cidade. O estilo de vida em Vancouver é capaz de encantar qualquer um, ainda mais quem gosta de praia e montanha. Afinal, dependendo de onde você estiver, é possível ver montanhas com picos de neve e praias — vale lembrar que a temperatura da água é baixa e apenas os aventureiros se arriscam nela.

Aliás, para quem gosta de esportes, Vancouver é o lugar certo. Esqui, vôlei, pedalada, snowboarding, caiaque e esqui são algumas das opções. Já para as pessoas que não gostam tanto de atividades ao ar livre, existem galerias de arte, museus e cafés espalhados pela cidade.

A ILSC Canadá de Vancouver é o maior campus existente dessa escola e, por isso, oferece a maior quantidade de cursos. A unidade fica no centro da cidade, contando com 90 salas de aula e 12 laboratórios de computador. No local, o estudante pode estudar diferentes modalidades da língua inglesa, como conversação, inglês para negócios, inglês para provas de proficiência e muito mais.

Toronto

Por ser a maior cidade do Canadá, Toronto é considerada o centro de negócios e de cultura do país. Assim como Vancouver, o local também é multicultural e recebe pessoas de todos os cantos do mundo.

Além disso, a cidade pode impressionar os turistas que não estão acostumados com tanta limpeza e organização. Como é uma grande metrópole, Toronto ainda possibilita que os intercambistas experimentem uma vida agitada, apresentando diversas opções de lazer, como museus, restaurantes e festivais.

Contato Agências Intercâmbio WEST 1Powered by Rock Convert

Nesse contexto, é importante destacar que Toronto tem mais de 125 museus e 1.000 festivais por ano! Mesmo no inverno, a cidade não para. Por isso, ela é perfeita para quem busca uma experiência de vida na cidade grande.

A ILSC de Toronto tem duas unidades localizadas no centro da cidade. No total, elas apresentam 77 salas de aula e 3 laboratórios de computador. Assim como as demais escolas da ILSC, contam com wi-fi, cozinhas e lounges. Nas escolas de Toronto, o estudante ainda pode aprender inglês com disciplinas optativas, como cinema e artes.

Saiba o que analisar na hora de escolher o intercâmbio

Ainda que seja uma fase de planejamento essencial, o momento da pesquisa sobre o intercâmbio pode confundir muita gente. Afinal, cada país tem as suas exigências, assim como as escolas. Com isso, a quantidade de informações sobre cada opção pode embaralhar a mente. Para facilitar, selecionamos as principais questões que devem ser levadas em consideração ao optar por um intercâmbio.

Documentação

Depois de escolher o país, a cidade e a escola, o próximo item a ser organizado é a documentação. Quando o intercambista chega ao exterior, ele passa pela imigração, que solicita alguns documentos. Nesse momento, é importante ter em mãos a carta de aceitação da escola, o seguro de saúde, a cópia da passagem de ida e volta e, em alguns casos, a carteira de vacinação.

Custo de vida

Esse item costuma ser um dos mais decisivos quando o estudante está buscando por um intercâmbio. No Canadá, por exemplo, a média de valores gastos com acomodação, alimentação e contas básicas é de CAD$ 1.200 nas cidades de Vancouver e Toronto.

Matrícula

Para conseguir o visto de estudante no Canadá, o intercambista deve apresentar o comprovante de matrícula e, por isso, a etapa de seleção da escola é muito importante. Em alguns casos, o visto pode até ser negado se a embaixada considerar que o nível da escola é baixo. Para não correr esse risco, recomenda-se fazer a matrícula na ILSC Canadá, que ganhou o prêmio de Star Chain em 2013 e 2014 pela Study Travel Magazine.

Cursos

Se o objetivo do intercambista é estudar, o curso deve se relacionar com os seus interesses. Na ILSC Canadá, o estudante pode optar por programas de preparação para a prova de Cambridge, TOEFL e IELTS. Ainda existem cursos de pronúncia, escrita, vocabulário, leitura, inglês para marketing, design, turismo e muito mais.

Acomodação

Para passar um mês ou um ano, é necessário pensar bastante na forma de acomodação que o estudante terá durante o intercâmbio. Em geral, existem casas de família, residências estudantis com quarto privado ou compartilhado e hostels. Na maioria das vezes, a casa de família é a opção com melhor custo-benefício, pois o intercambista pode fazer as refeições no local sem pagar a mais por isso.

Passaporte

Para fazer o intercâmbio, o passaporte precisa estar dentro da validade. Nesse sentido, deve continuar válido após seis meses, contando a partir da data de volta ao Brasil. Caso seja necessário, a renovação do documento precisa ser feita antes do embarque.

Visto

Essa é uma das etapas mais burocráticas do intercâmbio. Mas, ainda assim, é também uma das mais importantes. Por isso, é necessário checar as exigências da embaixada canadense e segui-las corretamente para viver a experiência renovadora que é morar no exterior.

Agora que você entendeu como tudo funciona, por que não começar a planejar o seu intercâmbio para a ILSC Canadá? Para isso, entre em contato conosco! Nós somos a WEST 1, agência de intercâmbio que atua na Nova Zelândia, Austrália, Canadá e Irlanda. Ajudamos com o planejamento da sua viagem do início ao fim!

Receba dicas exclusivas para planejar o seu intercâmbio!

Você também pode gostar

Deixe um comentário