O que é o roommate e quais os benefícios para quem mora no exterior?

4 minutos para ler
Powered by Rock Convert

Viver as experiências que um intercâmbio estudantil pode proporcionar já é algo muito maneiro. Contudo, já pensou nos benefícios de poder compartilhá-las com alguém? Se esse alguém for o seu roommate, melhor ainda. O termo, em inglês, significa “parceiro de casa”. Assim, trata-se daquela pessoa com quem você dividirá uma casa ou um apartamento ao morar em outro país.

São vários benefícios de ter essa companhia quase 24 horas por dia. Entretanto, pelo fato de as pessoas serem diferentes (e isso é normal), conflitos podem surgir, principalmente se os parceiros não estiverem acostumados a compartilhar uma moradia. Todavia, nada que não se possa prevenir com estratégias simples.

E aí, quer entender melhor quais são os benefícios de ter um roommate e como conviver da melhor forma com ele? Continue a leitura e confira!

Benefícios de ter um roommate no exterior

Além da possibilidade de ter a companhia de uma pessoa para vivenciar as novidades, contar com um roommate proporciona outros benefícios. Eles estão relacionados à socialização, aos custos e até mesmo ao enfrentamento de desafios.

Ajuda na socialização

Estar em um ambiente novo pode ser um fator que dificulta a aproximação com outras pessoas. No entanto, se você tiver um roommate, isso pode ser mais fácil. Afinal, ele pode ser verdadeiramente o seu parceiro para as experiências que você vai viver. Sem dúvidas, a companhia de quem você conhece bem e confia facilita a socialização com outras pessoas.

Permite dividir as contas

O intercâmbio tem custos e nem sempre eles são baixos. Assim, pagar contas como a de água, de luz, internet, gás e o aluguel sozinho pode sair muito caro e impedir você de aproveitar outras oportunidades. Dessa maneira, ter um roommate significa a possibilidade de dividir esses custos, já que todo intercambista precisa de um lugar para morar. Então, que tal se juntar a outro e compartilhar essas obrigações?

Auxílio com problemas e questões culturais

Morar em um país diferente pode gerar alguns problemas ou dificuldades com questões culturais. Por exemplo, em algumas cidades da Austrália, não é permitido o consumo de álcool na rua e você pode ser multado por isso. Para nós, brasileiros, isso é estranho. Então, você pode acabar dando um deslize. O roommate poderá ajudá-lo em questões como essa, alertando você sobre essas diferenças e evitando problemas. Afinal, a imersão cultural é fundamental.

Contato Agências Intercâmbio WEST 1Powered by Rock Convert

Dicas para uma boa convivência com o roommate

Como mencionado, conviver com outra pessoa pode naturalmente revelar diferenças pontuais. Essas, por sua vez, geralmente causam atritos que prejudicam a harmonia da casa. Saiba como evitá-los.

Respeite os limites e os pertences

Vamos combinar que saber que alguém mexeu nos seus pertences sem autorização é bem chato. Então, procurem estabelecer bem os limites de espaço e de quais objetos ou até mesmo alimentos podem ser compartilhados e sigam essas regras.

Seja respeitoso e amigável

O respeito é a base de qualquer relação e ele é ainda mais importante quando se trata de um parceiro de casa. Portanto, trate-o de maneira respeitosa e se permita criar uma amizade verdadeira com ele. Pode ter certeza que no futuro isso proporcionará boas lembranças a ambos.

Defina regras de limpeza

O intercâmbio faz você sair da zona de conforto e exige responsabilidade inclusive com a limpeza da casa. Reúna-se com seu roommate e definam regras, como a obrigação de lavar a louça sempre depois das refeições ou de se revezarem para limpar o banheiro. Que tal?

Como você pôde ver, a felicidade de viver o sonho do intercâmbio pode ser maior quando se compartilham experiências. Fazer isso com um roommate, então, é melhor ainda. Isso porque, além de ser uma companhia e poder surgir uma linda amizade, a parceria permite ajuda na socialização, nos custos e nos desafios.

Entretanto, nem tudo é um mar de rosas quando se divide uma moradia. Conflitos podem ocorrer, se algumas questões não estiverem bem definidas. Portanto, siga as dicas acima e estabeleçam regras. Dessa forma, você e seu roommate poderão curtir a experiência no exterior de maneira plena e guardar boas memórias desse período.

Curtiu essas informações e quer ficar por dentro de temas relacionados ao intercâmbio? Assine a nossa newsletter e saiba tudo que precisa!

Receba dicas exclusivas para planejar o seu intercâmbio!

Você também pode gostar

Deixe um comentário